Sexta-Feira, 19 de Julho de 2019
02/04/2014

Vandalismo prejudica e preocupa população de Guaraci


Nos últimos dias foram registrados vários casos de vandalismo em prédios públicos por toda a cidade . Como forma de alerta para toda a população e para que todos tomem conhecimento, a Prefeitura Municipal está registrando essas ações para que providências possam ser tomadas.  Nem mesmo a Lagoa Roberta Azeda, que teve a sua iluminação inaugurada no último dia 15 de março, escapou da ação dos vândalos e teve um dos seus bancos quebrados. Outro local atingido  é  o Acessa São Paulo, que teve o seu luminoso destruído, assim como o alambrado que cerca a área. Outro alambrado destruído é o que cerca o “Poliesportivo Cícero Antonio da Silva, o Cirção”, no Jardim do Bosque. No mesmo local, torneiras e vidros  quebrados e ainda portas arrancadas também fazem parte do cenário de destruição do patrimônio público. Na Praça da COHAB I, alguns bancos não resistiram à ação dos vândalos. O Campo de Malha “Ilton Rodrigues Silveira, o Baita”, que fica no “Centro de Lazer do Trabalhador Paulino Fukuta”, está com todas as lâmpadas quebradas e as luminárias amassadas. O quiosque, no mesmo local, está com uma avaria no telhado e também tem uma luminária que foi destruída. Outro local recentemente recuperado pela Administração Municipal, o banheiro da Praça Central, pela segunda vez, teve todos os seus espelhos quebrados. Os espelhos foram quebrados lodo depois da entrega da obra, em 2012 e todos foram recolocados no último mês de fevereiro. Logo depois do Guaraxé, no início de março, todos foram quebrados novamente. O prefeito Renato Azeda lamentou que ações desse tipo ainda aconteçam em uma sociedade que tem tanto acesso à informação. “Quem quebra um banco de praça ou um espelho de um banheiro público está jogando o seu dinheiro pela janela. Ou será que essas pessoas não entendem isso? Todos esses equipamentos são construídos e comprados com o dinheiro que vem dos impostos. Seja uma casa ou uma bala, quem compra alguma coisa paga imposto, que serve para a construção e manutenção da cidade. Quem destrói patrimônio público, está jogando o seu dinheiro fora. E todos nós pagamos duas vezes pela mesma coisa”, ressaltou o prefeito.

 

Confira as fotos